29 de jun de 2010

VISÃO DE JESUS, POR YOGANANDA

Um dia, quando me encontrava sentado acompanhado de um grupo de estudantes em minha escola em Ranchi, vi que alguém se aproximava, por trás dos rapazes. Me perguntei quem seria, porém logo pude perceber que se tratava de Jesus; seus pés não tocavam a terra enquanto andava.
Chegou muito perto de nós, e logo se desvaneceu.

Poucos anos mais tarde, em Boston, vi novamente Jesus. Encontrava-me meditando e orando profundamente a Deus, porque sentia que durante três dias me havia esquecido Dele, deixando-me absorver excessivamente pelas responsabilidades que Ele me havia dado. Disse ao Senhor:”Vou abandonar esta obra”. A atitude correta consiste em amar a Deus e amar a sua obra por amor a Ele. Os que servem como missionários porém não fazem o esforço por meditar e comungar com Deus, jamais encontrarão ao Senhor. Porque eu sentia que as atividades de meu ministério me haviam afastado de Deus, orei: “Senhor, irei embora daqui.

Não permanecerei na América nem levarei a cabo esta obra tua, a menos que saiba que te encontras comigo”. Uma voz atravessou o éter, como um raio de luz: “Pede o que desejares, porém não podes ir embora”. Muitas vezes em minha vida Deus me tem impedido de fugir de meus deveres junto a esta causa, para permanecer a sós com Ele. Respondi à divina voz: ” Deixa-me contemplar a Krishna e a Jesus, com seus discípulos, em um mar dourado.” Ainda não tinha terminado de formular este pedido interno, quando vi aqueles divinos seres acercando-se de mim. “Isto é uma alucinação, pensei”. “Se a pessoa que se encontra meditando comigo também perceber o mesmo, crerei”

Instantaneamente, meu companheiro exclamou em alta voz: “Oh! vejo Cristo e Krishna!”
Minha razão disse então: “Isto é mera transferência de pensamento.”
Em meio a dúvidas, orei a Deus pedindo-lhe que me ajudasse em minha falta de fé, e a voz disse: “Quando me for, o aroma de loto preencherá este aposento e quem quer que aqui entre o perceberá.”

Ao desvanecer-se a visão, a sala inteira foi inundada pela maravilhosa fragrância de loto e os que entraram nela, mesmo horas mais tarde, notaram o aroma. Não pude, pois, continuar duvidando.

Mahavatar Babaji me ordenou vir à América com o objetivo de interpretar os ensinamentos de Cristo e demonstrar seu paralelismo com o yoga ensinado por Krishna na Índia. Nas verdades imortais expressadas por estes avatares estão as respostas às necessidades de todas as épocas. É por isso que Babaji, que se encontra em divina comunhão com Cristo, me designou a missão especial de trazer esta mensagem ao Ocidente.

Paramahansa Yogananda

CURIOSA EXPERIÊNCIA DE ALGUÉM QUE DESAPARECE DA 3ªD E REAPARECE NA 5ªD

Texto bastante ilustrativo do famoso aventureiro Steve Fossett, desaparecido em um acidente de avião de pequeno porte em Setembro de 2007.

Quero que a gente saiba que não morri no sentido literal, ou seja, ainda continuo tendo um corpo de carne, mas parece ser diferente, pois encontro-me em um estado constante de bênção e alegria.
Não me faz falta a comida no sentido convencional, mas recebo alimento através da energia contida no ar.
Eu diria que é o ar que respiramos, mas é mais refinado, dado que posso ver como as partículas penetram em meu corpo enquanto respiro.
Ainda continuo respirando, mas posso ver o interior de meu corpo.

Sei que soa estranho, mas é a verdade.
Superficialmente tenho a mesma aparência de quando estava em seu mundo, salvo que pareço ter maior 'volume' e que posso ver o interior de meu corpo.

26 de jun de 2010

AURA


Nestes dois vídeos de forma simplificada, explica-se o que é a Aura e como podemos realizar a Limpeza da Aura.



ESTAMOS EM UMA ENCRUZILHADA

Nesta véspera do Solstício, estou sentindo mais e mais tensão e ansiedade na Consciência Coletiva. E, também, a raiva e a impotência. Como uma sociedade Planetária, nós alcançamos uma Encruzilhada e devemos fazer escolhas. Muitos destes sentimentos têm a ver com o horror do desastre do Petróleo no Golfo.

Parece que isto, mais do que qualquer outro acontecimento recente, trouxe ao lar das pessoas, as conseqüências muito reais de nosso atual relacionamento com a Terra, e como ela continua a ser muito prejudicada e destruída.

Ao ler os comentários raivosos e desesperadores de muitas pessoas, eu me lembrei de quanto esta situação é retratada no recente filme “Avatar”. O frio e distante CEO que estava somente interessado nos lucros e preparado para destruir um povo e uma floresta sem pensar duas vezes, carrega uma estranha semelhança com o presidente da Companhia Petrolífera, responsável pelo desastre do Golfe.

Eu sempre acreditei que a arte, os filmes, são expressões da Consciência Coletiva, e que vocês podem dizer muito sobre uma cultura, observando a arte e o entretenimento que ela produz. Em muitos casos, estes são reaparecimentos de sentimentos coletivos sobre a vida. Se fôssemos encarar o Avatar deste modo, pareceria que a Humanidade está cansada da Ganância Empresarial e da Economia dos Lucros que levam à destruição do meio ambiente e à impotência das pessoas. Há um desejo Coletivo de retornar à “floresta”, esta interconexão com a Natureza e às vibrações da energia Cósmica, e para ser algo diferente, uma expressão do “povo”, ao invés de uma cifra de dinheiro em um jogo violento e destrutivo das empresas. Isto é, naturalmente, toda a natureza e o propósito da Quinta Dimensão e da Nova Terra. Certamente, estamos em uma encruzilhada. Como um Coletivo, podemos fazer agora uma escolha que mude o nosso Planeta para a Quinta Dimensão como um todo, ou podemos continuar neste caminho de lucros e ganância, até a nova catástrofe, quando nos defrontaremos com as mesmas escolhas novamente.

Eu fiquei impressionada pela semelhança entre a história do Avatar e a história tradicional do Graal, porque os arquétipos são familiares. Em Avatar, o herói é um soldado aleijado que se torna o guerreiro que liberta o Planeta. Ele passa por várias transformações e iniciações para se tornar parte do “povo”. Na história do Graal, o Rei Pescador é profundamente ferido e a sua terra se torna um Deserto. Ele somente pode ser curado quando o buscador do Graal, o encontra e é capaz de encontrar a “questão” do Graal. Esta pergunta é: “A quem o Graal serve?” No século XXI, nós sabemos que o Graal é o Ser Humano, o instrumento para o Espírito Divino, e a questão é: “A quem nós servimos? Ao Propósito Divino da Vida e da Evolução, ou às Necessidades Econômicas das Grandes Corporações?”

Esta é uma questão complexa, porque a vida evoluiu neste planeta para apoiar 7 Bilhões de pessoas, e o caminho à frente deve ser capaz de sustentar e apoiar esta população. Nós não podemos retornar à Idade da Pedra. Nós somos uma sociedade tecnológica, e precisamos desenvolver tecnologias que sejam adequadas e que honrem todas as formas de vida. Precisamos deixar de violar a Terra em termos de recursos para impulsionar o crescimento econômico artificial com fins lucrativos e encontrar meios de viver em harmonia com a Terra e em parceria com outras formas de vida. Precisamos encontrar meios de construir comunidades que sejam a expressão do “povo” e não praças de mercado para expandir o consumismo, enquanto continuam a proporcionar as nossas necessidades diárias e a expressão de quem nós somos.

Não, não é fácil. Mas a escolha deve ser feita agora, isto é que é importante. E ela não será feita por nós. Nós não seremos elevados milagrosamente para outro local e ninguém chegará em uma nave espacial para nos salvar de nós mesmos. Como os Hopis dizem: “Nós somos Aqueles pelos quais estivemos Esperando. Nós precisamos nos fortalecer e nos tornarmos Guerreiros da Luz e começarmos a fazer as perguntas adequadas em nossas vidas. A quem estamos servindo? Estamos conscientes de Quem nós Somos e de nosso Poder? E, sim, muitos estão, e estamos fazendo tudo que podemos agora.

Eu sei que muitos, muitos, estão entrando na Consciência Coletiva e no Tempo do Sonho para intervir com imagens holográficas do Paraíso e de uma Terra e Oceanos Limpos, trabalhando com os Cetáceos, com os Anjos e Mestres, com os Povos Indígenas, para encontrar meios de elevar a Terra à realidade da Beleza e do Amor da Quinta Dimensão. E este Ponto de Poder do Solstício, é o momento ideal para associarmos as nossas energias para fazermos uma poderosa intervenção na Consciência Coletiva, para dizermos “sim”, que escolhemos ser parte da Nova Terra e servirmos ao Propósito Divino na Terra.

Entretanto, ao contrário do “Avatar”, isto não será conseguido com violência, mas nos unindo para dar as nossas energias às novas iniciativas e novas formas de Comunidades, que expressem quem somos como o “Povo”. Estamos somente começando este trabalho, e o primeiro passo deve ser a escolha de sermos parte da solução e da Nova Energia da Quinta Dimensão.

Se puderem fazer esta declaração como parte da Cerimônia do Solstício, então estarão capacitando o Coletivo, deixando-o saber que vocês são Guerreiros da Luz e que estão comprometidos com a Transformação Pacífica do Planeta para a Quinta Dimensão da Conexão, para a Noosfera da Luz.

Vocês podem dizer uma simples sentença como: “Eu me comprometo com o Serviço da Luz e com a Transformação Pacífica do Planeta para a Quinta Dimensão do Amor e da Conexão, e eu sirvo à Terra e a todas as suas formas de vida para o Bem Mais Elevado e com o apoio do Espírito. E assim é.”

Então, permitam que o Espírito os guie e se conscientizem das escolhas que vocês podem fazer em sua vida diária que os guie à frente. Faz pouco sentido agora responsabilizar, acusar e ter raiva, a não ser despertar as pessoas de como fomos longe no caminho da destruição ambiental. Talvez estejamos nos afligindo pelo que perdemos, de modo que possamos avançar no futuro. É o momento de fazermos outra escolha e seguirmos outro caminho à frente como um Coletivo. Isto começa conosco e começa com o Desejo para o Amor e a Paz, expressos de modos gentis, mas poderosos! A Consciência Coletiva está esperando ouvir de Nós! Agora!

Assim, aqui está uma interessante interpretação de “Avatar”, que destaca a necessidade interior de desenvolvermos a “empatia” e a “compaixão”, e os aspectos da sabedoria que nos moverão além da exploração e do controle.

http://www.youtube.com/watch?v=ryHvg-6Wy2A&feature=player_embedded#!

Fonte: Luz de Gaia
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

O TEMPO DIVINO E REIVINDICANDO O SEU PODER PESSOAL

Uma mensagem de Sananda, canalizada por Michelle Coutant
16 de Junho de 2010


O Tempo Divino é de extrema importância em suas vidas e em seu mundo hoje. Ao longo do seu dia vocês encontrarão muitos casos onde têm escolhas a fazer e vocês podem fazer estas escolhas apressadamente, a partir do ego e da personalidade, ou podem fazer estas escolhas a partir do seu Centro Cardíaco Sagrado. Escolham fazer as suas escolhas diárias a partir do seu Centro Cardíaco Sagrado. Reservem um momento e não se permitam a pressa.

Conectem-se com a sua sabedoria interior e o seu Sagrado Coração e ouçam. Ouçam à pequena voz dentro de vocês. Esta é a sua orientação mais elevada, a orientação do seu Ser Divino. Esta orientação é aquela que os manterá no caminho mais elevado. Ela lhes dirigirá para fazer a escolha mais elevada, escolhas que principalmente fortalecerão o seu crescimento e os seus sucessos que tanto desejam criar. Agir na pressa ou no impulso, são ações do ego, levando-os a tomar decisões, que podem não ser para o seu bem mais elevado e para o bem mais elevado de todos.

Nós os encorajamos a continuar a ouvir. Ouçam e se conectem, enquanto vocês encontram o equilíbrio que lhes permitirá fluir no Rio da Vida, fluir na Harmonia Divina com o Universo. Quando vocês se movem muito rapidamente, se tornam fora da harmonia, e quando se movem muito lentamente, encontrarão o seu Ser fora do equilíbrio. Encontrem o caminho do meio em alinhamento com o seu Ser Divino e comecem a fluir com o Rio da Vida. É como se vocês remassem gentilmente, com as correntes de um rio, movendo-se perfeitamente com o fluxo. Quando vocês remam com muita força e rapidez, podem perceber que perdem a direção com o rio e são atingidos pelas correntes. Quando remam muito lentamente, podem perceber que são deixados para trás e devem começar o processo de reentrar no fluxo do rio e direcionar os seus movimentos. Ouçam a sua sabedoria interior, Queridos. Ela não os desencaminhará. Usem o tempo necessário e notem o fluxo de suas vidas diárias e passem o tempo meditando sobre o fluxo de suas atividades globais e de suas vidas.
Passem algum tempo em meditação, enquanto começam a manter o seu poder pessoal, e ouçam a sua própria orientação interior. Nós lhes pedimos que comecem o processo de se conectarem com os Mestres Ascensionados. Os Mestres Ascensionados é uma consciência de grupo; uma consciência de grupo que cada um de vocês aspira a integrar em sua consciência. Peçam para se conectar com esta consciência de grupo e tragam isto a sua consciência. Quando começarem a se sentir confortáveis com a essência da consciência de grupo, peçam-lhes para lhes transmitir a Informação Divina que lhes auxilie em seu caminho espiritual.

Vocês podem pedir informações Divinas para a humanidade e para o projeto para a Idade do Ouro que a humanidade e a Terra estão entrando. Vocês podem auxiliar intensamente toda a humanidade, enquanto se harmonizam com o plano Divino como é destinado a se revelar. Ouçam, e estejam abertos para receber. Pratiquem. Escrevam a informação que lhes chega. Ouçam a sua sabedoria interior que lhes é revelada. Cada um de vocês tem esta capacidade em seu interior. É outra expressão de manter e reivindicar o seu poder pessoal enquanto ouvem a sua própria orientação interior e não a orientação de outras pessoas. Sua orientação, Amados, é a orientação que os levará às alturas do seu caminho espiritual. Vocês têm a habilidade de falar com os Mestres Ascensionados e adquirir esta sabedoria que eles estão tão dispostos a compartilhar com vocês. Este é o seu serviço e o seu propósito: auxiliá-los em seu caminho espiritual enquanto vocês retornam ao equilíbrio e à harmonia. Reivindiquem esta dádiva que está sendo dada a cada um de vocês.

Cada um de vocês ressoa com as vibrações de certos Mestres Ascensionados. Uma vez que estejam plenamente sintonizados com a vibração de grupo dos Mestres Ascensionados, comecem a se concentrar nas vibrações dos Mestres Ascensionados com quem ressoem. Escolham um Mestre Ascensionado, meditem e se conectem com a sua vibração. Sintam-na, ressoem com ela, e façam perguntas ao Mestre Ascensionado. Estejam preparados para escrever a informação que receberem. Estejam preparados para receber as respostas que possam chegar até vocês, seja em meditação, através de novas formas-pensamento, através de vozes daqueles a sua volta, ou da palavra escrita.

Reivindiquem o seu poder pessoal, Amados. É de extrema importância para o seu crescimento e para o seu sucesso, em todos os seus empreendimentos. Não dêem o seu poder à Deus, pois Deus não quer o seu poder pessoal. Deus quer que vocês reivindiquem as qualidades, virtudes e atributos dos Sete Raios. Reivindicar o seu poder pessoal é o principal para aprender a dominar estes Raios, pois vocês se tornam a personalidade de Deus. Vocês são solicitados a se sintonizar com a Vontade de Deus e a se entregar à Vontade de Deus, mas são solicitados também a reivindicar o seu poder pessoal a serviço do Divino.

Prestem grande atenção quanto ao fenômeno de reivindicar o seu poder pessoal a serviço do ego. Vocês devem observar os seus pensamentos e ações, e trazê-los sempre ao seu centro cardíaco a serviço do Divino, mantendo o seu poder pessoal a serviço do Divino. Isto, Queridos, é um aspecto mais importante do caminho para a auto-realização. Estejam vigilantes, pois há aqueles que acreditam que eles dominaram o ego, somente para recuar no caminho espiritual, pois eles se tornam suscetíveis ao ego novamente. Enquanto novas lições e testes espirituais continuam a ser apresentados, os riscos se tornam maiores, enquanto vocês entram em seu campo de serviço. Vocês serão desafiados novamente com lições, para ver se dominaram a habilidade de se manter em sua verdade e integridade, e em sua orientação mais elevada e sabedoria interior. Vocês continuarão a ser testados para ver se permanecerão sintonizados com a Vontade Divina. Nós lhes pedimos que fiquem muito conscientes, e permaneçam diligentes, enquanto continuam a liberar todos os aspectos menos elevados do ego. Quando fizerem isto, perceberão que a informação que recebem através do Espírito e dos Mestres terão também clareza consistente com os reinos mais elevados, ao invés de contaminados pelas operações do ego.

Nós, dos reinos mais elevados, estamos aqui com vocês no Amor e na Alegria, preparados para auxiliá-los a cada momento. Invoquem-nos, amados. Há muita sabedoria pronta para se ligarem. Permitam-nos auxiliá-los neste processo, enquanto reivindicam o seu poder pessoal e retornam ao equilíbrio e à harmonia, à paz e à prosperidade, à Alegria e ao Amor do Sagrado Coração que é o seu Direito Inato Divino.
Eu Sou Sananda.

Fonte: Luz de Gaia

25 de jun de 2010

HISTÓRIA DO CABOCLO PENA BRANCA


Nasceu em aproximadamente 1425, na região central do Brasil, hoje, entre Brasília e Goiás, onde seu pai era o Cacique da tribo.

Era o filho mais velho de seus pais e desde cedo se mostrou com um diferencial entre os outros índios da mesma tribo, era de uma extraordinária inteligência.

Na época não havia o costume de fazer intercâmbios e trocas de alimentos entre tribos, apenas algumas faziam isto, pois havia uma cultura de subsistência, mas o Cacique Pena Branca foi um dos primeiros a incentivar a melhora de condições das tribos, e por isso assumiu a tarefa de fazer intercâmbios com outras tribos, entre elas a Jê ou Tapuia, e Nuaruaque ou Caríba.

Quando fazia uma de suas peregrinações ele conheceu na região do nordeste brasileiro (hoje Bahia), uma índia que viria a ser a sua mulher, chamava-se “Flor da Manhã” a qual foi sempre o seu apoio.

Como cacique, foi respeitado pela sua tribo de tupis, assim como por todas as outras tribos e continuou, apesar disso, seu trabalho de itinerante por todo o Brasil na tentativa de fortalecer e unir a cultura indígena.

Certo dia Pena Branca estava em cima de um monte na região da atual Bahia, e foi o primeiro a avistar a chegada dos portugueses nas suas naus, com grandes cruzes vermelhas no leme.

Esteve presente na primeira missa realizada no Brasil pelos Jesuítas, na figura de Frei Henrique de Coimbra.

Desde então procurou ser o porta-voz entre índios e os portugueses, sendo precavido pela desconfiança das intenções daqueles homens brancos que ofereciam objetos, como espelhos e pentes, para agradá-los.

Aprendeu rapidamente o português e a cultura cristã com os jesuítas.

Teve grande contato com os corsários franceses que conseguiram penetrar (sem o conhecimento dos portugueses) na costa brasileira – muito antes das grandes invasões de 1555 – aprendeu também a falar o francês.

Os escambos, comércio de pau-brasil entre índios e portugueses, eram vistos com reservas por Pena Branca, pois ali começaram as épocas de escravidão indígena e a intenção de Pena Branca sempre foi a de progredir culturalmente com a chegada desses novos povos, aos quais ele chamava de amigos.

Morre com 104 anos de idade, em 1529, o Cacique Pena Branca, deixando grande saudade em todos os índios do Brasil, sendo reconhecido na espiritualidade como servidor na assistência aos índios brasileiros, junto com outros espíritos, como o Cacique Cobra Coral.

Apesar de não ter conhecido o Padre José de Anchieta em vida, já que este chegou ao Brasil em meados de 1554, Pena Branca foi um dos espíritos que ajudou este abnegado jesuíta no seu desligamento desencarnatório.

Responsável pela proteção da casa de investidas de espíritos das trevas, pela reposição fluídica do NEC, comandando equipes socorristas e agindo nas atividades de passes.

Desde a fundação do NEC, o caboclo Pena Branca foi designado por Dr. Romano para assumir essas tarefas, pelo domínio e conhecimento profundos que ele tem sobre manipulação fluídica e sobre os recursos da natureza, sendo grande colaborador de trabalhos de cura.



Fonte: www.nec.org.br/pena_branca.htm

24 de jun de 2010

HOMENAGEM AOS ÍNDIOS ESPIRITUAIS


Nesta música que lembra um Xamã, uma linda Homenagem aos Índios Espirituais de elevada condição espiritual.

Um grande abraço a todos Mentores Caboclos Queridos!

Obrigado de coração, eternos amigos!


22 de jun de 2010

RAMATÍS, UMA PROPOSTA DE LUZ: COMEMORAÇÕES MUNDANAS DURANTE O NATAL

Sidnei Carvalho e Zanarotti passam mensagens importantes sobre a conduta dos homens durante essa época festiva.





Fiquem na Paz, na luz, irradiando amor! Que assim seja!

17 de jun de 2010

TRABALHO ESPIRITUAL E CARIDADE


“O lavrador que trabalha deve ser o primeiro a gozar dos frutos.” Paulo – Timóteo, 2:6

Além do salário amoedado o trabalho se faz invariavelmente, seguido de remuneração espiritual respectiva, da qual salientamos alguns dos itens mais significativos: acende a luz da experiência; ensina-nos a conhecer as dificuldades e problemas do próximo, induzindo-nos, por isso mesmo, a respeitá-lo; promove a auto-educação; desenvolve a criatividade e a noção de valor do tempo; imuniza contra os perigos da aventura e do tédio; estabelece apreço em nosso área de ação; dilata o entendimento; amplia-nos o campo das relações afetivas; atrai simpatia e colaboração; extingue, a pouco e pouco, as tendências inferiores que ainda estejamos trazendo de existências passadas.

Quando o trabalho, no entretanto, se transforma em prazer de servir, surge o ponto mais importante da remuneração espiritual: toda vez que a Justiça Divina nos procura no endereço exato para execução das sentenças que lavramos contra nós próprios, segundo as leis de causa e efeito, se nos encontra em serviço ao próximo, manda a Divina Misericórdia que a execução seja suspensa, por tempo indeterminado. E, quando ocorre, em momento oportuno, o nosso contato indispensável com os mecanismos da Justiça Terrena, eis que a influência de todos aqueles a quem, porventura, tenhamos prestado algum beneficio aparece em nosso auxílio, já que semelhantes companheiros se convertem espontaneamente em advogados naturais de nossa causa, amenizando as penalidades em que estejamos incursos ou suprindo-as, de todo, se já tivermos resgatado em amor aquilo que devíamos em provação ou sofrimento, para a retificação e tranquilidade em nós mesmos.


Reflitamos nisso e concluamos que trabalhar e servir, em qualquer parte, ser-nos-ão sempre apoio constante e promoção à Vida Melhor. (grifos nossos)



Espírito: EMMANUEL
Médium: Francisco Cândido Xavier
Livro: “Perante Jesus” – Edição IDEAL





16 de jun de 2010

MENSAGEM DE MESTRA NADA: COMO SERVIR À DEUS?

É a primeira vez que venho através desta mensageira.
Minha tarefa de hoje é lhes proporcionar uma ideia do papel que cada um de vocês pode realizar em sua vida.

Certas expectativas relacionadas com o seu potencial Serviço à Fraternidade existem em suas mentes.
Eu vou explicar neste instante para vocês.

Amados, não é necessário que vocês esperem até receber algumas oportunidades, ou recursos financeiros ou de poder, ou uma posição estar à sua disposição.

Se para vocês começarem seu Serviço, vocês precisam de algo além daquilo que vocês já têm, vocês estão agindo do modo como sua mente carnal está induzindo vocês a fazer.
Tudo o que é necessário para vocês começarem a Servir a Fraternidade é o seu desejo de assim o fazer.
Mais nada é necessário.
Vocês podem começar a Servir exatamente de onde vocês estão neste momento.

15 de jun de 2010

SERES ELEMENTAIS - GNOMOS - DUENDES

ELEMENTAIS

Mais um trecho extraído de outro belissimo livro do espirito Angelo Inácio (ARUANDA) psicografado por Robson Pinheiro, com o diálogo entre Pai João e Angelo Inácio em uma explicação detalhada sobre o tema complexo dos elementais.

14 de jun de 2010

A IMPORTÂNCIA DO CULTO DO EVANGELHO NO LAR



PARÁBOLA DOS TALENTOS


Parábola dos Talentos
(Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 25:14-30)

Porque assim é como um homem que, ao ausentar-se para longe, chamou os seus servos e lhes entregou os seus bens. E deu a um cinco talentos, e a outro dois, e a outro deu um, a cada um segundo a sua capacidade, e partiu logo. O que recebera pois cinco talentos, foi-se, e entrou a negociar com eles e ganhou outros cinco. Da mesma sorte também o que recebera dois, ganhou outros dois. Mas o que havia recebido um, indo-se com ele, cavou na Terra, e escondeu ali o dinheiro de seu senhor. E passando muito tempo, veio o senhor daqueles servos, e chamou-os a contas. E chegando-se a ele o que havia recebido os cinco talentos, apresentou-lhe outros cinco talentos, dizendo: Senhor, tu me entregastes cinco talentos; eis aqui tens outros cinco mais que lucrei. Seu senhor lhe disse: Muito bem, servo bom e fiel; já que foste fiel nas coisas pequenas, dar-te-ei a intendência das grandes; entra no gozo do teu senhor. Da mesma sorte apresentou-se também o que havia recebido dois talentos, e disse: Senhor, tu me entregaste dois talentos, e eis aqui tens outros dois que ganhei com eles. Seu senhor lhe disse: Bem está, servo bom e fiel, já que fostes fiel nas coisas pequenas, dar-te-ei a intendência das grandes; entra no gozo de teu senhor.

E chegando também o que havia recebido um talento, disse: Senhor, sei que és homem de rija condição; segas onde não semeaste, e recolhes onde não espalhaste; e temendo me fui, e escondi o teu talento na Terra; eis aqui tens o que é teu. E respondendo o seu senhor, lhe disse: Servo mau e preguiçoso, sabia que sego onde não semeei, e que recolho onde não tenho espalhado. Devias logo dar o meu dinheiro aos banqueiros, e, vindo eu, teria recebido certamente com juro o que era meu. Tirai-lhe, pois, o talento, e dai ao que tem dez talentos. Porque a todo o que tem, dar-se-lhe-á, e terá em abundância; e ao que não tem, tirar-se-lhe-á até o que parece que tem. E ao servo inútil, lançai-o nas trevas exteriores: ali haverá choro e ranger de dentes.


12 de jun de 2010

OS PÃES DE SANTO ANTONIO - PADRE ZEZINHO

Dia 13 de Junho comemora-se o Dia de Santo Antonio.


Padre Zezinho traz esclarecimentos interessantes.


Santo Antonio, rogai por nós!




11 de jun de 2010

PRESTAR MAIS ATENÇÃO AS NOSSAS REAÇÕES

Nossos amigos na Luz têm explicações para todas as nossas perguntas!
Vemos frequentemente muitas indagações em nossos alunos, e pedimos a eles que prestem atenção ao que se passa em seus caminhos.
Às vezes, as respostas estão ali.

Na maioria das vezes, são perguntas relacionadas aos seus corpos, tais como doenças, agonias e distúrbios, e certamente vocês percebem, por intermédio das muitas mensagens que recebem, que a principal causa se relaciona às "cargas cármicas", e então vocês dizem: "precisamos trabalhar nelas".

Amigos, essas não são mais antigas cargas cármicas, são também suas reações diárias.
Elas trazem mais sombras para seus corpos inferiores, que então incomodam vocês na forma de doenças.
Portanto, tenham ainda cuidado com suas reações ao longo do dia, mesmo que sejam somente pensamentos ruins sobre acontecimentos desagradáveis ou quando outras pessoas os prejudicarem e vocês reagirem de maneira errada, embora estejam bem-intencionados com relação a elas!
Tudo isso se reflete em seus corpos sutis e reage de volta em seus corpos físicos.

Portanto, prestem muita atenção às suas reações durante o dia.
Quando vocês falam com outras pessoas e elas expressam algo com o qual vocês não concordam, não se exaltem, mas tratem-nas com mais amor ainda.
O amor é o sentimento mais perfeito que vocês podem emitir quando algo não os agradar nas outras pessoas.
Quando algo não dá certo, ele não deixa vestígios, somente melhorias.
Utilizem ainda mais suas energias do amor nos relacionamentos com outras pessoas.
Se vocês tiverem somente pensamentos amorosos, não precisam dizê-lo, pois elas não os entenderiam se dissessem "eu te amo!"

Controlem suas reações, muito mais do que têm feito até agora, pois elas são as responsáveis pela maior parte das sensações negativas em seus corpos.
E se vocês também possuem algumas diferenças com relação às outras pessoas, não partam logo para a discussão, controlem-se e irradiem o amor.
São também assim as reações das outras pessoas, da mesma forma como ainda ocorre com a maioria de vocês.

Tudo o que vocês dizem ou fazem para os outros, nem sempre faz sentido.
Por isso, não criem mais um monte de entulho emocional e mental.
Vejam como todas essas diferenças são atenuadas pelo amor.
Isso fará bem aos seus corpos e vocês conseguirão livrar-se de algumas doenças quando utilizarem mais o amor em suas relações com as outras pessoas.

Observem em suas próprias vidas como vocês teriam reagido há dez anos.
Vocês já aprenderam algumas coisas desde aquela época.
Portanto, continuem a controlar suas respostas perante as pessoas que vocês consideram desagradáveis!
Gostaríamos de lhes passar isso e de pedir-lhes que continuem prestando atenção em como vocês conduzem uma conversa com seus vizinhos, colegas, familiares, atentando também para suas próprias reações, para que vocês possam dissolver o que ainda é negativo.
Nem sempre vocês percebem isso na hora, mas algo de inferior vai desaparecer se os seus corpos reagirem contra esses impulsos negativos.

Meus amigos, essas foram as palavras de seu Irmão e Amigo HILARION (Paulo de Tarso), pedimos a vocês que as sigam!


Boletim Ponte Para Luz - Abril de 2010

10 de jun de 2010

DUAS PASSAGENS DO BHAGAVAD GITA

Comentários do Cap. 4 Verso 14 do Bhagavad Gita.

"Não há trabalho que Me afete; tampouco Eu aspiro aos frutos da ação. Aquele que entende esta verdade sobre Mim também não se enreda nas reações do trabalho fruitivo."



Cap. 2 Verso 63
"Da ira, surge completa ilusão, e da ilusão, a confusão da memória. Quando a memória está confusa, perde-se a inteligência, e ao perder a inteligência, cai-se de novo no poço material."



9 de jun de 2010

PREPARO PARA OS DESENCARNES

MENSAGEM de ASHTAR SHERAN

Venho em nome da ordem e da paz neste ciclo mais evidente que desponta no planeta: o ciclo da varredura planetária, da separação do joio e do trigo e do encaminhamento das almas para seus respectivos andares evolutivos.

Sem sombra de dúvida é importante que todos os seres humanos estejam atentos a uma insofismável realidade: os tempos são chegados e muito estão mudados os sintomas físicos e mentais de maioria dos seres.

A VERDADEIRA ORAÇÃO

A verdadeira oração é um estado de completa serenidade interior, e nele entrareis quando não mais vos envolverdes com qualquer solicitação que vos chegue. Tamanha há de ser vossa dedicação a esse caminho que dele não devereis tirar a vista nem por um momento, pois tantas são as forças que tentam levar-vos que bastará um momento de distração para enveredardes por alguma das trilhas laterais que vos distanciam da Meta.

Se quiserdes chegar a essa Morada Interna, tão pura que apenas será por vós percebida quando não mais a puderdes macular, observai vossa bagagem e dela aliviai aquilo que mais pesa e que mais pó e sujeira possam juntar, para prosseguirdes com a parte de vós que corresponde em qualidade ao destino ao qual vos dirigis.

E as tarefas vos são dadas à medida que as puderdes cumprir; serão maiores se fordes capazes de suportar maiores tribulações, e menores se vossa fé, doação e amor forem pequenos. Pois não há, para aqueles que se oferecem para viver em nome da Lei, resistências e provas que os impeçam de prosseguir. E quanto maior o amor que tiverem à vida interior, mais poderão suportar provas e afirmá-la diante do mundo, pois ela os fará fortes e essa firmeza é que será, aos olhos incrédulos, a comprovação da sua existência.

Se não estiverdes prontos para deixar que seja feita a Vontade Superior através de vós, tereis uma vida adequada a uma entrega parcial. Mas se há em vós capacidade para uma entrega total, a Vontade se fará. Se tiverdes de padecer, padecereis; não com sofrimento, mas com um sentido de plenitude por saberdes estar cumprindo o que do interior vos é pedido. Podemos dizer-vos que não há alegria terrena que suplante a paz desse estado.

Ao Reino não se chega por força ou por empenho alimentado pelo orgulho e pela vaidade humana. O caminho do espírito é o caminho dos puros, dos simples e dos humildes, daqueles que sabem que nada podem por si próprios e que nada de verdadeiro têm a não ser a própria Consciência. É o caminho dos que, no silêncio do recolhimento, voltam-se para o Absoluto: seja feita a Vossa Vontade!

Mesmo que vos sintais agraciados por essa Vontade, deveis saber que nada tendes, e que por isso a divina consciência nada cobra de vós. Se verdadeiramente chegardes a conhecer esse Amor, apenas com vossa entrega podereis retribuir o muito que vos é dado.

Assim, é também importante que saibais receber e que, com humildade, não vos deixeis afligir por não terdes com o que demonstrar o quanto sois gratos. Se realmente o sois, aquilo que de vós irradiará em paz e plenitude será o que, de mais valioso, podereis fazer do que vos é dado.

Cuidai também para não fechardes as portas ao que vos é trazido pelo espírito, pensando que não o mereceis. Em vez de verdadeira humildade, vereis que essas atitudes são filhas da soberba, consequência de achardes que primeiro deveis estar prontos, em lugar de vos entregar e permitir que aprontem em vós o que ainda está por fazer.

Extraído do livro “Das Lutas à Paz”, de Trigueirinho – Págs. 203 a 204

Extraído do boletim Sinais de Figueira, de Trigueirinho
Irdin Editora
www.irdin.org.br
www.vigiliapermanente.org

8 de jun de 2010

CONHECENDO O BUDISMO RISHO KOSSEI-KAI

Conheça abaixo um pouco da história do Budismo Risho Kossei-Kai.

Aproveitamos a oportunidade de enviar um abraço fraterno ao nosso amigo do UNILUZ o Rev. Kazuya Nagashima.

A Risho Kossei-kai é uma organização de budistas leigos, fundada no dia 5 de março de 1938 pelo Fundador Nikkyo Niwano e pela Co-Fundadora Myoko Naganuma. Esta organização se baseia nos ensinamentos do Buda Shakyamuni e tem o Tríplice Sutra de Lótus (“Sutra dos Inumeráveis Significados”, “Sutra de Lótus da Lei Maravilhosa” e o “Sutra da Meditação sobre o Bodhisattva Virtude Universal”) como base dos ensinamentos. Atualmente tem como Presidente Nichiko Niwano, e conta com 1.760.000 adeptos (atualizado em 31 de Dezembro de 2006) espalhados em 239 igrejas pelo Japão, 7 igrejas, 7 sedes e 1 associação-irmã fora do Japão, recebendo com alegria o ensinamento.

O Mestre Fundador Nikkyo Niwano nos revelou com palavras do cotidiano o ensinamento do Budismo e o verdadeiro sentimento de Shakyamuni Buda. O Fundador Nikkyo Niwano não só fez a revelação como também viveu ele próprio conforme o ensinamento, nos dando o exemplo de “como podemos viver uma vida maravilhosa, praticando o ensinamento de Buda”. Assim, vivemos uma vida comum, ao mesmo tempo que podemos conhecer e aprender o verdadeiro sentimento de Buda. Muitas e muitas pessoas foram iluminadas pela orientação do Mestre Fundador Niwano e do atual Mestre Presidente Niwano.

O Brasil e o Japão apresentam diferenças diversas nos aspectos político, econômico, social e cultural. Portanto, algumas pessoas podem pensar que no Japão o ensinamento é bem compreendido e no Brasil não há a mesma compreensã. Mas a “Verdade é única”. No mundo, aliás no planeta, onde quer que seja, o que não é compreensível não podemos dizer ser a “Verdade”. O ensinamento de Shakyamuni Buda é o ensinamento da “Verdade”. As “Palavras” do Mestre Fundador Niwano também são “Verdades”. Portanto, mesmo no Brasil, o “Ensinamento de Shakyamuni Buda” está vivo, e as palavras do Mestre Fundador Niwano, que nos revelou o significado verdadeiro desse ensinamento, também estão vivas.

Somos amigos que aprendemos, praticamos e sentimos o ensinamento de Buda dentro do nosso cotidiano. Na Igreja Risho Kossei-kai existem o “Budismo Vivo” e o “Budismo Novo”. A Igreja Risho Kossei-kai é uma associação religiosa aberta. Se você está pensando: “Quero sentir de perto a Verdade e a Lei”, por favor, venha nos fazer uma visita. Vamos estudar juntos o ensinamento de Buda e vamos ser felizes!


Reverência
Igreja Risho Kossei-kai do Brasil
Reverendo Takayuki Nagashima


Fonte: http://www.rkk.org.br/




ALIMENTAÇÃO E SAÚDE

Alimentação e Saúde em destaque no programa Chama Crística com os Gurus José Carlos Zanarotti e o cheeeeeeeeeeeio de alegriiiaaa Sidnei Carvalho.

O que é bom para seu corpo? Quais alimentos ajudam e atrapalham o organismo na hora da digestão? E em cada refeição do dia, o que devemos comer?





Ou clique aqui para ouvir o programa em outra janela

Muita paz!!


7 de jun de 2010

IGREJA DE JESUS CRISTO DOS SANTOS DOS ÚLTIMOS DIAS


Conheça a história desta denominação cristã que surgiu nos Estados Unidos, também conhecidos como Mórmons.

Para saber mais informações, acesse o link:
http://www.mormon.org/welcome/0,6929,403-2,00.html






TIPOS DE RESPIRAÇÃO PARA VÁRIAS SITUAÇÕES

Respiração abdominal - Ajuda a dominar a ansiedade
É um recurso perfeito em situações que nos assustam e nos produzem borboletas no estômago: um exame, uma entrevista de trabalho, um primeiro encontro...

Como se faz
Inspire e dirija o ar para a zona do abdómen. Coloque as mãos sobre o ventre para notar como enche ao inspirar.

Expire lentamente, encolhendo o ventre até soltar todo o ar.

Benefícios
Reduz a tensão e as contracções do ventre provocadas por nervos e ansiedade, promovendo um estado de relaxamento. Previne os transtornos gastrointestinais, físicos e psicossomáticos.


Respiração intercostal - Reforça a auto-estima.
Quando estamos tristes ou preocupados, deixamos cair o peito para a frente, o que sobrecarrega as costas, e reduz a vitalidade bem como a capacidade de respirar.

Precisa de encher o peito para fazer valer a sua autoridade ou potenciar a sua auto-estima.

Como se faz
Inspire e conduza o ar para a zona das costelas. Para se orientar, apoie as mãos e sinta como essa zona vai enchendo. Expire até expulsar todo o ar.

Benefícios
Melhora o funcionamento do aparelho respiratório. Activa a circulação.


Respiração pulmonar - Para revitalizar mente e espírito não há melhor.
Quando estiver ao ar livre, esta respiração vai enchê-la de energia. Ajuda-a a corrigir as más posturas das costas bem como a tensão no pescoço e cervicais. Pratique-a enquanto caminha pela praia, campo...

Como se faz
Inspire até encher de ar a parte superior do peito (com a qual respiramos habitualmente). Coloque as mãos sobre os pulmões para perceber o movimento. Expulse o ar completamente, à medida que vai soltando o pescoço e os ombros.

Benefícios
Aumenta a capacidade torácica. Melhora o funcionamento dos sistemas cardíaco e circulatório. Proporciona uma sensação de vitalidade (maior, se praticar ao ar livre).


Respiração completa - Renove mente e espírito através do ar que inspira.
Pratique-a ao início ou final do dia para se sentir descansado.

Para alcançar melhores resultados, damos-lhe uma ajuda extra. Imagine que, com cada inspiração, se enche de luz e ar fresco, e que com cada expiração solta todas as tensões da sua mente e corpo.

Como se faz
São três respirações num só gesto. Inspire e leve o ar para o ventre, depois à zona das costelas e, finalmente, aos pulmões. Aguente uns segundos.

Expulse o ar devagar, por ordem inversa. Aguente uns segundos sem respirar depois de expirar.

Benefícios
Revitaliza mente e corpo e desfaz bloqueios. Acalma o sistema nervoso, equilibrando emoções. Melhora a capacidade de atenção e a função cerebral.


Respiração dinâmica - Ajuda-o a combater o stress.
É indicada para os momentos em que se sente esgotada pelo stress e precisa de recuperar energia.

Também é útil em caso de problemas em casa ou no trabalho: vá dar um passeio e pratique-a. Vai ver como a raiva e a irritação desaparecem.

Como se faz
Coloque-se de pé com os pés afastados e inspire profundamente pelo nariz. Expire pela boca, soltando um sussurro ou um assobio, e deixe cair a parte superior do corpo em direcção ao chão. Recupere a posição inicial enquanto inspira novamente.

Benefícios
Serve para descarregar as tensões produzidas pelo stress. Relaxa a parte superior do corpo. Ajuda a fortalecer os pulmões.


Respiração tranquilizante - Ajuda a combater a insónia.
Indicada para quem tem dificuldade em conciliar o sono. Use-a quando as preocupações a impedem de dormir ou não consegue tirar da cabeça tudo o que tem pendente para fazer.

Como se faz
Inspire pelo nariz, contando lentamente até quatro, seis ou oito (segundo a sua capacidade). Contenha a respiração durante o mesmo número de segundos. Sem se mexer, inspire pela boca durante quatro, seis ou oito segundos.

Benefícios
Esvazia a mente depois de um dia de trabalho muito duro ou muito cansativo. Ajuda a dormir melhor, se a praticar antes de se deitar.



Fonte: Página de Saúde do Portal Sapo.pt
Texto: Joana Martinho

4 de jun de 2010

SILENCIANDO A MENTE

Por Elisabeth Cavalcante

Muitas pessoas me perguntam como fazer para manter sob controle o turbilhão de pensamentos que povoam suas mentes, o tempo todo. O segredo é não fazer disso uma meta, um objetivo, pois ao fazê-lo passamos a lutar contra a mente.

E, toda forma de luta, de ação, neste caso se torna inútil. Como então empreender esta tarefa sem qualquer esforço? A única ferramenta capaz de nos auxiliar é a meditação. E, quando digo meditação isto significa simplesmente manter-se alerta, totalmente no aqui e agora.

Ao colocar a atenção sobre os pensamentos, sem qualquer tipo de julgamento, simplesmente observando-os, estes, aos poucos, perdem energia, pois emitir qualquer opinião sobre eles automaticamente amplia o seu poder.

Quando você observa atentamente seus pensamentos, amplia a percepção sobre a qualidade destes. E, se surpreende ao constatar o quanto de negatividade, medo e insegurança eles carregam.

Se conseguir se manter alerta, ainda que alguns minutos por dia, acerca de seus pensamentos, você verá que aos poucos, eles vão perdendo força, até que, repentinamente, acontece o que chamamos não-mente, ou seja, a ausência de pensamentos que imediatamente nos remete ao silêncio, o vazio onde habita a dimensão divina de nosso ser.

Quanto mais tempo conseguirmos permanecer no silêncio, mais chances teremos de ouvir a voz que se esconde em nosso interior. A intuição, este poderoso guia que sempre nos leva aos caminhos mais adequados à nossa evolução, se manifesta mais fortemente nos momentos em que conseguimos manter a mente em repouso.

Amado Osho,
Recentemente, ouvi-o dizer que a transcendência da miséria e da confusão da vida pode ocorrer ou através de uma entrega (let-go) ou através de uma luta - contanto que ambos sejam feitos com totalidade. O caminho de Mahavira foi o da luta, e o Seu é o da entrega. Poderia falar mais um pouco da entrega e do relacionamento que ela tem com a inteligência e a responsabilidade? Eu não tenho essa compreensão, e a minha vida parece ser uma confusa mistura de entrega e de luta. A entrega parece ser mais natural, e a luta parece ser mais responsável.
Isso não é somente uma questão sua, é uma questão de todo mundo - uma mistura de entrega e de luta. Mas a sua entrega não é o que eu chamo de entrega; a sua entrega é simplesmente uma atitude derrotista. Basicamente você quer lutar, mas existem situações nas quais você não pode lutar, ou talvez você tenha chegado ao próprio fim da sua energia de luta. Aí então, para encobrir a sua derrota, você começa a pensar em se entregar. A sua entrega não é verdadeira, é falsa.
A verdadeira entrega não é contrária à luta.
A verdadeira entrega é ausência de luta.
E não se pode misturar a verdadeira entrega com atitudes de luta, pela simples razão de que a presença da entrega significa a ausência de uma atitude de luta. Como você poderia misturar algo que está presente com algo que está ausente?
Assim como você não pode misturar luz e escuridão, por maior artista que você possa ser - você não pode misturar luz e escuridão pela simples razão de que a escuridão é somente uma ausência de luz. Você não pode trazê-las juntas; somente uma pode estar presente.
Sendo assim, a primeira coisa a se lembrar é que a atitude básica de todo ser humano é a de lutar...Lutar é uma atitude básica, porque isso alimenta o ego. Quanto mais você luta, mais o seu ego se torna mais forte.
Se você sair vitorioso, o ego tem grande alegria. Você fica dando vida ao ego pelas suas vitórias. Mas, por outro lado, à medida que o ego se torna mais forte, o seu ser vai se afastando cada vez para mais longe de você.
À medida que seu ego se torna mais forte, você vai perdendo a si mesmo. Você pode estar lutando e saindo vitorioso, não sabendo absolutamente que não se trata de um ganho, mas de uma perda. Ensina-se a todas as crianças a lutarem, de diferentes maneiras.
A competição é uma luta, ser o primeiro da classe é uma luta, ganhar um troféu num jogo é uma luta... Essas coisas são preparações para a sua vida. Depois luta-se numa eleição, luta-se por dinheiro luta-se por prestígio. Toda essa sociedade está baseada em lutas, competição, briga, na colocação de cada indivíduo contra o todo.
... ‘Entrega’ significa ‘nenhuma competição, nenhuma briga, nenhuma luta’... simplesmente relaxar com a existência, aonde quer que ela conduza. Sem tentar controlar o seu futuro, sem tentar controlar as conseqüências, mas permitindo-as acontecerem... sem nem pensar nelas.
A entrega está no presente; as conseqüências estão no amanhã. E a entrega é uma experiência tão deleitosa... um total relaxamento, uma profunda sincronicidade com a existência....
...A entrega não foi ensinada às pessoas, porque ela vai contra toda a estrutura da sociedade - que é baseada na competição e na luta, onde todos são seus inimigos...
A entrega é uma profunda compreensão do fenômeno de que nós somos parte de uma só existência. Nós não podemos produzir egos separados: somos um com o todo.
E o todo é vasto, imenso. A sua compreensão ajudará você a seguir com o todo, aonde quer que ele vá. Você não possui uma meta separada do todo, e o todo não tem nenhuma meta. Ele não está indo a algum lugar. Ele está simplesmente acontecendo aqui.
....E aí então, vem um silencioso relaxamento, fluência com o rio, desinteressado do aonde ele está indo, despreocupado de que você possa ficar perdido... nenhuma ansiedade, nenhuma angústia... porque você não está separado da totalidade, sendo assim, seja o que for que vá acontecer, vai ser bom.
Com essa compreensão, você vai ver que não há mistura: a compreensão não pode se misturar com a ignorância; o insight dentro da existência não pode se misturar com a cegueira; a consciência-em-si não pode se misturar com a inconsciência-em-si.
E a entrega não pode se misturar com as diferentes espécies de lutas - isso é uma impossibilidade.
Apenas deixe-a afundar dentro do seu coração, e você descobrirá uma nova dimensão desabrochando, na qual cada momento é uma alegria, na qual cada momento é uma eternidade em si mesmo.
OSHO, Além da Psicologia.

Elisabeth Cavalcante é Taróloga, Astróloga,
Consultora de I Ching e Terapeuta Floral.
Atende em São Paulo e para agendar uma consulta, envie um email.
Conheça o I-Ching
Email: elisabeth.cavalcante@gmail.com

Fonte: Site Somos Todos UM.

3 de jun de 2010

MARINHEIROS ESPIRITUAIS

Salve nossos Amigos Espirituais - Os Marinheiros!

São os Marinheiros, grupo de Espíritos que trabalham na Umbanda em prol da caridade.

Eles conheceram muito bem o mar e a navegação, pois participaram da descoberta de novos mundos através das viagens que empreenderam que duraram anos e anos.

As Entidades dos Marinheiros trabalham na Linha de Iemanjá e também de Oxum, que compõem o chamado “Povo da Água”. Seus conselhos e mensagens são sempre cheios de esperança e de fé. Costumam trabalhar em grupos. São fortes, pois enfrentaram guerras e mares agitados, mas também conheceram a calmaria e a bonança.

Carregam consigo um sentimento profundo de amizade. Seus conselhos são sempre fiéis e certeiros, têm uma grande responsabilidade e assumem o compromisso de um trabalho bem-feito.

Algumas pessoas tem uma idéia muitas vezes distorcida desta linha de trabalho. Os marinheiros são em sua grande maioria espíritos que militam na umbanda para dar sustento no campo da diluição de cargas trevosas. Outros, atuam como elementos de sustentação de trabalhos voltados a curas, atraindo os poderes elementais dos quais estes espíritos de alto grau espiritual, trazem consigo.

Ao se manifestarem, incorporados em seus médiuns, esses espíritos se movimentam e "dançam" como se estivessem se equilibrando sobre o tombadilho de um navio ou barco em alto mar.
Na verdade, por estarem manifestando-se sob a irradiação de Iemanjá, o magnetismo dela faz com que tenham esses movimentos das ondas do mar.

Muito diferente do que alguns imaginam, estes irmãos do astral não são e não estão embriagados, como alguns se mostram, na realidade sua forma de balanço é uma maneira de liberar suas ondas energéticas se utilizando do próprio médium.


Em torno do médium existe um campo de energia sustentado por seus centros de força e, além da energia gerada a partir da energia corpórea, existe um campo espiritual que se reflete em todo o ambiente. Os guias quando incorporados em seus médiuns, dançam, giram, balançam, gesticulam, etc… desta forma os guias liberam, não só a energia que se desprende do médium, mas também libera de forma salutar o poder de seu mistério através de ondas magnéticas que são liberadas dentro do campo espiritual do médium e do templo.


NOTAS:
Os marinheiros permitem aos médiuns, desenvolverem o equilíbrio emocional, entrar em contato com as emoções mais intimas desbloqueando e liberando os excessos, os vícios. Desenvolvendo no médium a capacidade de sentir as dores dos outros e com isso aprimorando as relações com o seu irmão.

Abaixo uma música para homenagear estes queridos amigos espirituais - Os Marinheiros. A música é linda, sintam a energia!

Saudamos a todos!



Fonte:http://www.seteporteiras.org.br/marinheiros.php
http://ceuesperanca.blogspot.com/search?q=marinheiros
http://planetaumbanda.com.br/home/index.php?option=com_content&view=article&id=104&Itemid=153


Related Posts with Thumbnails