8 de abr de 2009

ESPECIAL PÁSCOA | PESSACH

O Pessach é festejado entre os 14º e 22º dias de Adar II ou Nissan (março ou abril).

Pessach (em hebraico - passar por cima, poupar) é uma festa judaica de origem bíblica, que tem duração de oito dias - fora de Israel. O Pessach marca o nascimento dos judeus como povo há mais de três mil anos, comemora a libertação dos filhos de Israel da escravidão - sob a liderança de Moisés e a busca pela Terra Prometida - além da negação do antigo sistema e modo de vida egípcio. Assim, festeja-se a liberdade espiritual juntamente com a liberdade física. As leis da Torá sobre Pessach são mandamentos Divinos que também ajudam a vivenciar essa liberdade.

A festa também carrega um significado agrícola, já que marca o início do período de colheita na Terra de Israel. O antigo povo de pastores e agricultores comemorava, nessa época, a chegada do momento mais festivo da natureza, que era o início da colheita de cevada e a entrega do ômer - parte da cevada era ofertada a D'us no segundo dia de Pessach. Era um momento de alegria para este povo que vivia em íntimo contato com a terra, de onde extraíam a subsistência.

Em suma, comemorar o Pessach é expressar o amor à liberdade, valor judaico tradicionalmente preservado. É esse amor que fortalece os vínculos dos descendentes dispersos do povo que sempre acreditou na vitória sobre a tirania.

SIMBOLOS E SIGNIFICADOS:
O COELHO – Sinal de fertilidade, o que nos remete a preservação da espécie e esperança de novas vidas.

O OVO – Também ligado à questão da fertilidade e do nascimento para uma vida nova; a passagem para a luz.

Fonte: Site da Cultura Judaica

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails